16/01/2017

A Infância de Ivan (1962)

Título Original: Ivanovo Detstvo
Ano: 1962
País: Rússia
Gênero: Drama
Duração: 95 min
Direção: Andrei Tarkóvski
Trailer: Assistir 1 | Assistir 2

Sinopse: Durante a Segunda Grande Guerra, os russos tentavam combater a investida nazista em seu território. Nas frentes soviéticas, Ivan, um garoto órfão de 12 anos, trabalha como um espião, podendo atravessar as fronteiras alemãs para coletar informação sem ser visto, e vive sob os cuidados de três oficiais russos. Mas, após inúmeras missões, e com um desgaste físico cada vez maior, os oficiais resolvem poupar Ivan, mandando-o para a escola militar. Ganhador do Leão de Ouro em Veneza.

Elenco: Nikolay Burlyaev, Valentin Zubkov, Evgeniy Zharikov, Stepan Krylov, Nikolay Grinko, Dmitri Milyutenko, Valentina Malyavina, Irina Tarkovskaya, Andrey Konchalovskiy, Ivan Savkin, Vladimir Marenkov

12/01/2017

Os Segredos do Terceiro Reich (2013) T2

Título Original: Nazi Underworld (2ª temporada)
Ano: 2013

País: Estados Unidos
Gênero: Documentário
Duração: 45 min (por episódio)
Narração: Allan Corduner

Sinopse: Novas provas e testemunhas anteriormente desconhecidas fizeram com que se desvendassem por fim algumas especulações sobre Hitler, a elite Nazi e alguns elementos da guerra. Algumas das conclusões são surpreendentes, algumas chocantes e todas elas trazem uma nova luz a este período da história envolto em mistério. Pesquisa meticulosa e análise detalhada das novas informações deram origem a uma jornada intimista, informativa e por vezes bizarra do Terceiro Reich, da sua elite e do seu envolvimento no decorrer dos acontecimentos. A investigação dá-nos agora a conhecer as suas personalidades e ações, revela as suas vidas públicas e privadas e apresenta as suas existências em contexto familiar e no decorrer da história. Este é o Terceiro Reich como nunca o tinha visto – um novo olhar e conclusões surpreendentes de pessoas e acontecimentos que todos julgávamos conhecer.

=== Episódios ===

01 - O Ouro Nazista
Nas últimas semanas do Terceiro Reich, os membros do regime nazista escondem suas imensas riquezas nos Alpes. Surgem rumores sobre um incrível último retiro na região dos Alpes na Áustria, que inclui projetos de construções gigantescas e fábricas subterrâneas. Mas seria essa “Fortaleza Alpina” apenas um blefe elaborado ou um plano sério? E o que aconteceu com o tesouro nazista escondido? Ainda hoje, caçadores de tesouros rastreiam a área, na esperança de encontrar alguma coisa. Nós seguimos a trilha desses antigos mistérios e descobrimos o que aconteceu nos turbulentos últimos dias do Terceiro Reich.

02 - A Doença de Hitler
Os registros médicos de Hitler finalmente foram encontrados: raios-x, avaliações médicas, e um relatório sobre seu uso de cocaína. A partir de 1936, seu médico pessoal Dr. Theodor Morell permanece ao lado de Hitler, sempre disposto a entregar tratamentos duvidosos - até oito medicamentos diferentes por dia, incluindo um contendo estricnina. Será que Morell tentou envenenar seu empregador? E estava Hitler bem o suficiente para liderar a Alemanha? O psicólogo americano Nassir Ghaemi tem dúvidas: ele acredita que Hitler tinha transtorno bipolar e usava medicamentos em excesso. Exibimos uma visão exclusiva e surpreendente de um lado até então desconhecido de Hitler.

03 - Missões Perigosas
Há um lado da Segunda Guerra Mundial que acontece em segredo, atrás das linhas inimigas, e com riscos muito altos: missões ousadas, trabalhos perigosos e operações secretas que continuam deixando os especialistas perplexos. Exibimos um novo olhar sobre algumas das mais notáveis missões secretas da Segunda Guerra Mundial, incluindo missão Gran Sasso, de 1943, para libertar Benito Mussolini, o sequestro de um comandante alemão em Creta pelas forças especiais britânicas, o assassinato de Reinhard Heydrich em Praga, e o assassinato a sangue-frio do prefeito de Aachen, nos últimos meses da guerra.

04 - O enigmático Rudolf Hess
No dia 17 de Agosto de 1987, o ex-secretário de Hitler, Rudolf Hess comete suicídio na prisão. Parece que o homem, de 93 anos de idade, enforcou-se na famosa prisão de Spandau para criminosos nazistas, perto de Berlim. O ocorrido marca o fim de uma vida de mistério e intriga. Nós investigamos alguns dos enigmas que ainda cercam Hess. O que o motivou a, sozinho, voar para a Escócia em uma missão secreta em maio de 1941? Queria ele fazer as pazes com o Reino Unido? Fosse o que fosse, tudo terminou junto com sua vida. E nós exploramos o último mistério de Hess: se ele realmente se matou ou se foi assassinado – o último prisioneiro restante em Spandau.

05 - O Fantasma do U-513
No dia 19 de julho de 1943, um avião da patrulha dos Estados Unidos vê um U-boat alemão na superfície da água. Não há tempo para a embarcação mergulhar: duas bombas atacam diretamente. O U-Boat é um U-513. O ataque mata 46 pessoas da tripulação, deixando apenas 7 sobreviventes. Mas, até agora, o local do descanso final do U-513 e o que exatamente aconteceu com ele  permanecia em mistério. O aventureiro Vilfredo Schürmann fez disso sua missão para encontrar o submarino na costa brasileira e, no verão de 2011, finalmente encontrou o ouro: seguido por nossas câmeras, ele conseguiu localizar os destroços. Isso nos permite juntar as peças do quebra-cabeça da última missão do U-Boat e de seu final.

+ Os Segredos do Terceiro Reich (2011) 1ª temporada

Todos os vídeos do Youtube podem ser baixados através destes sites:
http://keepvid.com/
http://www.clipconverter.cc/pt/
http://pt.savefrom.net/

04/01/2017

Porque Lutamos (1942-1945)

Título Original: Why We Fight
Ano: 1942 à 1945
País: Estados Unidos
Gênero: Documentário, Propagandístico
Duração: 400 min
Direção: Frank Capra e Anatole Litvak

Esta postagem nada mais é do que uma compilação dos últimos documentários postados da série Why We Fight.

Why We Fight é uma série de sete filmes de propaganda encomendados pelo Governo dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial para justificar aos soldados americanos seu envolvimento na guerra. Logo depois, também foi exibido ao público.

Produzidos entre 1942-1945, os sete filmes variam de 40 a 76 minutos de duração, e foram dirigidos pelo premiado diretor Frank Capra e narrado por Walter Huston. A música para a série foi realizada pela Orquestra do Exército, e as animações ficaram a cargo dos Estúdios Disney. A série enfrentou um difícil desafio: convencer uma nação não-intervencionista da necessidade de se envolver na guerra.

Frank Capra se alistou logo após o ataque japonês a Pearl Harbor. Ele foi designado para trabalhar diretamente com o Chefe de Estado, George C. Marshall. Após se reunir com ele, Capra assistiu o filme “O Triunfo da Vontade”, de Leni Riefenstahl. Capra o descreveu como "o prelúdio ameaçador do holocausto de ódio de Hitler”. Neste momento ele não tinha assistentes ou instalações, sua missão era esmagadora: “Sentei-me sozinho e pensei: Como eu poderia montar um contra-ataque contra o Triunfo da Vontade e manter viva a nossa vontade de resistir?”

Cena do Episódio 3: Divide and Conquer
Seu foco principal foi na criação de "uma ideia básica e poderosa" que iria se espalhar e evoluir para outras ideias relacionadas: “Pensei na Bíblia. Houve uma frase em que ela sempre me deu arrepios, "Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará."

Como resultado, seu objetivo foi compilar discursos inimigos, filmes, noticiários, artigos de jornal, etc. Ele apresentou suas idéias para outros oficiais agora designados para ajudá-lo: Eu disse-lhes meu palpite: Use os próprios filmes do inimigo para expor suas extremidades escravizantes. Deixe nossos rapazes ouvir os nazistas e japoneses gritarem suas próprias reivindicações que nossos combatentes vão saber por que eles estão lutando. Mais tarde, depois de grandes esforços e decepções, Capra foi em busca de arquivos audiovisuais dentro das instalações do governo.

Esta foi a primeira tentativa maciça de influenciar a opinião entre os militares dos EUA através do cinema. Capra, que não tinha experiência em documentários, foi escolhido "por seu compromisso com os ideais americanos" e por causa da popularidade de alguns de seus filmes anteriores. Ele foi o escolhido "para entender o coração e a alma do público americano."

Frank Capra
"Capra dependia de sua habilidade como editor para conseguir o contraste do indivíduo e do grupo, essencial para o sucesso de seus filmes de Hollywood." Capra: pensei que seria mais eficaz usar filmes originais do inimigo e propagandas na série, a fim de expô-los com suas próprias imagens. Ao pegar pedaços do material inimigo para editar e colocando sua própria narração sobre os resultados, Capra deu significado e propósito para a guerra com a narrativa que acrescentou.

Através de cuidadosa edição, os filmes compararam as forças do mal com a América e seus valores tradicionais. Isso funcionou para criar uma batalha não só entre os Aliados e as Potências do Eixo, mas entre o bem e o mal. Para justificar a aliança com a União Soviética, a série omitiu muitos fatos, o que poderia colocar em dúvida a reputação dos soviéticos, tais como a aliança germano-soviético, a invasão a Polônia e a ocupação soviética dos estados bálticos. Praticamente alinhada com propaganda soviética, a série foi amplamente aclamada na União Soviética.

O diretor do Departamento de Relações Públicas da Guerra, General Surles, apresentou “Prelude to War”, o mais bem sucedido dos sete filmes, para o presidente Franklin D. Roosevelt. Roosevelt considerou este filme tão importante que ordenou que fosse exibido para todo cidadão americano. Pelo menos 54 milhões de americanos tinham visto a série até o final da guerra.

=== Episódios ===

01. Prelúdio de uma Guerra (1942)
02. Ataque Nazista (1943)
03. Dividir e Conquistar (1943)
04. A Batalha da Inglaterra (1943)
05. A Batalha da Rússia (1943)
06. A Batalha da China (1944)
07. A Guerra Chega à América (1945)

03/01/2017

A Guerra Chega à América (1945)

Título Original: War Comes to America
Ano: 1945
País: Estados Unidos
Gênero: Documentário, Propagandístico
Duração: 70 min
Direção: Frank Capra e Anatole Litvak

Sinopse: "A Guerra Chega à América" foi o sétimo e último filme da série de filmes-propaganda "Porque Lutamos", de Frank Capra. Ela foi feita para convencer os americanos da necessidade de combater as forças do Eixo durante a Segunda Guerra Mundial. As forças lideradas por Adolf Hitler que invadiram a Polônia e, posteriormente, a França no início da Segunda Guerra Mundial, em 1939, foram responsáveis pela maior devastação dos tempos modernos. Porém, a guerra somente chegaria à América depois do dramático ataque dos japoneses a Pearl Harbor, no final de 1941. A opinião pública americana foi aos poucos crescendo contra os agressores na Europa, culminando com o total envolvimento dos EUA no conflito, conscientizados pela propaganda do governo. O sétimo e último documentário da série Why We Fight (Por Quê Lutamos?) enumera os valores americanos que justificam a participação dos Estados Unidos no conflito mundial contra o eixo do mal, liderado por Alemanha, Japão e Itália. Produzido pelo Departamento de Guerra do governo dos EUA, este documentário tem a colaboração de importantes cineastas de Hollywood, como Frank Capra e Anatole Litvak, tornando-se não apenas um importante documento histórico, mas também um item para os cinéfilos.

02/01/2017

A Batalha da China (1944)

Título Original: The Battle of China
Ano: 1944
País: Estados Unidos
Gênero: Documentário, Propagandístico
Duração: 64 min
Direção: Frank Capra e Anatole Litvak


Sinopse: "A Batalha da China" foi o sexto filme da série de filmes-propaganda "Porque Lutamos", de Frank Capra. Ela foi feita para convencer os americanos da necessidade de combater as forças do Eixo durante a Segunda Guerra Mundial. O Japão invadiu a China pela Manchúria. Este foi o início repentino de um novo estilo de guerra, quando a cidade Shangai sofreu o primeiro bombardeio aéreo maciço da história, aniquilando covardemente uma população civil desamparada. Crianças, mulheres e velhos morreram sob uma chuva de bombas japonesas. Um documento histórico que mostra com detalhes, como um povo sofreu com a ambição desmedida do imperador japonês em conquistar o mundo. Com detalhes sobre o plano Tanaka e todo o sofrimento da maior nação da terra.

31/12/2016

A Batalha da Rússia (1943)

Título Original: The Battle of Russia
Ano: 1943
País: Estados Unidos
Gênero: Documentário, Propagandístico
Duração: 82 min
Direção: Frank Capra e Anatole Litvak

Sinopse: "A Batalha da Rússia" foi o quinto filme da série de filmes-propaganda "Porque Lutamos", de Frank Capra. Ela foi feita para convencer os americanos da necessidade de combater as forças do Eixo durante a Segunda Guerra Mundial. Em 22 de junho de 1941 a Alemanha invade a antiga URSS. O Exército de Hitler acredita em uma batalha rápida, em poucos meses. Acreditavam poder aniquilar as principais forças do exército soviético e ocupar a parte europeia do território com o objetivo de destruir o Estado Socialista e se apoderar de suas riquezas antes do início do temível inverno soviético. Subestimavam a capacidade de resistência soviética, do Exército Vermelho e da liderança do Partido Comunista comandado pelo secretário-geral, Josef Stálin. Em História das Guerras você terá a oportunidade de ver o quanto o exército Nazista estava profundamente enganado.

27/12/2016

A Batalha da Inglaterra (1943)

Título Original: The Battle of Britain
Ano: 1943
País: Estados Unidos
Gênero: Documentário
Duração: 52 min
Direção: Frank Capra e Anthony Veiller

Sinopse: "A Batalha da Inglaterra" foi o quarto filme da série de filmes-propaganda "Porque Lutamos", de Frank Capra. Ela foi feita para convencer os americanos da necessidade de combater as forças do Eixo durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1940, a mente diabólica de Adolf Hitler inicia um sangrento bombardeiro na Inglaterra para concretizar seu sonho de dominar a Europa. Entre a liberdade inglesa e os planos terríveis de Hitler, está a R.A.F. (Royal Air Force), composta por pilotos dedicados que juntamente com voluntários de diversas nacionalidades incansavelmente enfrentam os aviões da Luftwaffe alemã, que se encontra em número terrivelmente superior aos aviões ingleses. Entretanto a determinação e bravura dessa mescla de pilotos em deter a marcha de Hitler é tão forte que, enquanto a Luftwaffe lança ondas após ondas de ataque com seus bombardeiros contra as cidades inglesas, a R.A.F. responde a altura em uma luta para impedir que as forças de Hitler invadam a Inglaterra.